Banca de DEFESA: AMANDA LUISE ALVES NASCIMENTO



Uma banca de DEFESA DE MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: AMANDA LUISE ALVES NASCIMENTO
DATA: 28/01/2021
HORA: 09:00
LOCAL: Google Meet (videoconferência)
TÍTULO:

Estudos biofísicos da interação do timerosal, um composto orgânico de mercúrio,
com a catalase


RESUMO:

A catalase (CAT) é uma enzima antioxidante muito importante no sistema de defesa, desempenhando a função de proteger as células de efeitos tóxicos, catalisando a decomposição do H2O2 . A interação dessa enzima com qualquer espécie química externa poderá influenciar em sua atividade catalítica in vivo, trazendo como consequência diferentes efeitos, como por exemplo, o estresse oxidativo. Dentre as espécies que podem interferir na atividade dessa enzima destaca-se o mercúrio, cuja toxicidade humana varia de acordo com a forma química, a dose e a exposição, estando associado a uma série de doenças, inclusive no sistema nervoso central e funções psíquicas. Sendo assim, investigar a interação entre a CAT e compostos de mercúrio é de extrema importância para verificar se há alterações nessa enzima e, por conseguinte, mudanças no desempenho das suas funções fisiológicas. Desta forma, o presente trabalho buscou compreender o mecanismo de interação entre CAT e o timerosal (TM), que é um composto orgânico de mercúrio usado como conservante em vacinas, cosméticos e produtos farmacêuticos3. Este estudo foi monitorado por técnicas espectroscópicas, avaliando diferentes parâmetros como os de ligação e termodinâmicos, distâncias intermoleculares, mecanismo de quenching, alterações conformacionais e na atividade enzimática sob condições fisiológicas. O processo de interação foi monitorado em função do decaimento da fluorescência intrínseca da catalase após a adição de TM ao meio, devido à formação do complexo supramolecular não fluorescente. Calculando-se para o sistema a constante de Stern-Volmer (Ksv), constante de ligação (Kb), estequiometria (n) e parâmetros termodinâmicos. De acordo com os dados obtidos observou-se que o tipo de quenching foi o estático, devido redução de KSV com o aumento da temperatura. O processo de interação foi espontâneo (∆G < 0) e as forças de interações preferenciais são as forças de Van der Waals e ligações de hidrogênio (∆H < 0 e ∆S < 0), havendo uma parcela de forças eletrostáticas envolvidas. A formação do complexo e o tipo de quenching foram confirmados pelas diferentes técnicas utilizadas. A estequiometria do complexo formado foi 1:1 (n ~ 1), sendo que os valores de Kb indicam uma força de interação da ordem de 104. Mudanças estruturais, de hidrofobicidade e ao redor dos resíduos de triptofano e tirosina da proteína foram evidenciadas por fluorescência 3D, ensaio com ANS e por fluorescência sincronizada respectivamente, indicando que houve alterações na estrutura secundária, preferencialmente nos resíduos de Triptofano. De acordo com o FRET foi possível obter a distância entre o timerosal e catalase sendo da ordem de 4 nm. Em seguida buscando avaliar a influência dessas alterações oriundas da interação com o TM na atividade da CAT, realizou-se estudos enzimáticos, verificando uma redução de cerca de 85% na ação dessa enzima, com a adição de 100 µM de TM. Por fim, realizou-se o ensaio in vivo com o zebrafish e drosophila melanogaster, obtendo resultados que comprovam a alta toxidade do TM, devido as alterações sofridas por estes organismos modelos. Logo esses resultados podem auxiliar na compreensão de possíveis efeitos relacionados à desordem causadas pelo timerosal em sistemas biológicos, em particular os efeitos quando associados a catalase.


PALAVRAS-CHAVE:

Enzima, antioxidante, vacina, conservante.


PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Química Analítica

MEMBROS DA BANCA:
Externo(a) ao Programa - 2022362 - ANA CATARINA REZENDE LEITE
Externo(a) à Instituição - HEBERTY DI TARSO FERNANDES FACUNDO - NENHUMA
Interno(a) - 1904678 - JANAINA HEBERLE BORTOLUZZI
Presidente - 1613338 - JOSUE CARINHANHA CALDAS SANTOS
Externo(a) ao Programa - 1653558 - LUCIANO APARECIDO MEIRELES GRILLO
Notícia cadastrada em: 22/01/2021 12:13
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2022 - UFAL - sig-app-1.srv1inst1 17/08/2022 10:49