Banca de QUALIFICAÇÃO: RICARDO ALEXANDRE DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RICARDO ALEXANDRE DOS SANTOS
DATA : 22/02/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Webconferência
TÍTULO:

Fluorescência de nitrosoBODIPYs na quantificação de biotióis.


PALAVRAS-CHAVES:

Biotióis. BODIPYs. Fluorescência. Glutationa. Sonda.


PÁGINAS: 60
RESUMO:

Processos metabólicos em organismos vivos podem gerar o chamado estresse oxidativo, o qual trata-se do desequilíbrio da presença entre compostos oxidantes, encontrados em maior quantidade e antioxidantes, levando a uma disrupção da sinalização e do controle redox, causando ou não dano molecular. Associado a isto, podemos destacar a grande formação de Espécies Reativas de Oxigênio e Nitrogênio (ERON's), que são compostos precursores de diversas doenças. Entre os antioxidantes endógenos, sistemáticos e intracelulares mais importantes no combate à este processo, encontram-se os biotióis, que tem sido foco de forte interesse na comunidade acadêmica, mais especificamente a glutationa. A glutationa reduzida, junto com suas enzimas catalíticas, auxiliam na regulação do sistema redox. O desenvolvimento de técnicas analíticas espectroscópicas baseadas na detecção de fluorescência utilizando o conceito off-on requer marcadores fluorescentes com características e aplicabilidades diversas. Dentre a variedade de marcadores fluorescentes disponíveis, os derivados de BODIPY passaram a ser amplamente utilizados por tratar-se um método simples e rápido. O mecanismo reacional consiste em dois processos que podem ocorrer concomitantemente, sendo a adição do grupo tiol ao anel pirrol do BODIPY, com redução adicional do grupo NO. As condições experimentais foram otimizadas empregando a glutationa reduzida em pH = 7,5, tampão Britton Robbinson (10 mM) e a concentração da sonda BODIPY (QHM 300), nitrosada com modificação α-NOClCl em 5 µM. No estudo da força iônica empregando NaCl (0-300 mM) observou-se um aumento de fluorescência na concentração de 100 mM. Além disso, realizou-se um estudo cinético de interação com a sonda, evidenciando um tempo mínimo seguro de reação necessária de 20 min. e após este tempo a intensidade de fluorescência se manteve constante por até 60 min. demonstrando a fotoestabilidade da sonda. O método proposto apresentou faixa linear de concentração de 0,5-5 µM de glutationa reduzida com limite de detecção (LOD) de 61,4 nM e desvios padrão relativo (RSD) de 3,92% e 5,75% para as concentrações de 1 µM e 5 µM, respectivamente. A proteína albumina, a cisteína e os ácidos graxos foram os principais interferentes do método, simulando condições de aplicação em plasma sanguíneo.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - ANA CAROLINE FERREIRA SANTOS - UFAL
Externa ao Programa - 1006306 - JADRIANE DE ALMEIDA XAVIER DOS SANTOS
Interna - 1904678 - JANAINA HEBERLE BORTOLUZZI
Interno - 1613338 - JOSUE CARINHANHA CALDAS SANTOS
Presidente - 2120103 - MARILIA OLIVEIRA FONSECA GOULART
Notícia cadastrada em: 18/02/2021 09:04
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2022 - UFAL - sig-app-1.srv1inst1 17/08/2022 10:55