Banca de DEFESA: LUIZ TENORIO FILHO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LUIZ TENORIO FILHO
DATA : 29/07/2022
HORA: 19:00
LOCAL: Web conferência
TÍTULO:

Sistemas de informação em saúde: um estudo dos processos de registro, integração e recuperação da informação das bases SISAB e ESUS-AB


PALAVRAS-CHAVES:

Sistema de Informação em saúde. Registros eletrônicos em saúde. Gestão da Informação. e-SUS AB. SISAB.


PÁGINAS: 101
RESUMO:

A informação ocupa um lugar importante nos mais diversos segmentos sociais e isto fica claro nas
organizações públicas e privadas. No contexto da saúde, as organizações públicas têm se desenvolvido,
buscando formas de inovar e melhorar seus serviços para atender aos anseios da sociedade contemporânea.
Dentre as tecnologias de informação e comunicação, os sistemas de informação em saúde, emergem como
ferramentas imprescindíveis para ajudar as organizações e aos profissionais de saúde a gerir, de modo eficaz e
inteligente, as grandes quantidades de informações que são geradas todos os dias. Existe a necessidade
premente de conscientizar os colaboradores sobre a importância da gestão da informação no ambiente
organizacional, a fim de promover e aperfeiçoar o uso da informação nas ações do Sistema Único de Saúde
(SUS). Neste cenário, a pesquisa buscou estudar o processo de registro, integração e recuperação de
informações no e-SUS AB e SISAB. Para tal feito, foi necessário descrever o processo de coleta e registro das
informações que alimentam SISAB por meio do e-SUS AB; Bem como, verificar sob a ótica de gestores e
usuários, os principais problemas encontrados no registro e recuperação de informações no e-SUS AB; Além
disso, identificar os fatores que interferem na plena integração do e-SUS-AB e o SISAB; A fim de contribuir
para melhor compreensão do processo de coleta, armazenamento, recuperação e uso de informações na área
da saúde. Quanto aos procedimentos metodológicos, foi realizada uma pesquisa de natureza qualitativa, com
abordagem descritiva e exploratória, composta por um estudo de caso, com a aplicação de 172 questionários
com profissionais que integram as equipes de estratégia de saúde da família e uma entrevista semiestruturada
com a gestora da secretaria da saúde do município de São Luís do Quitunde, Alagoas. Os resultados apontam
para certa fragilidade no processo de treinamento dos profissionais das equipes, dificuldades no
preenchimento das fichas impressas, bem como no uso do sistema eletrônico, significativo desconhecimento
dos processos de armazenamentos das informações, dificuldades na unificação dos cadastros de pacientes no
sistema, alto índice de duplicidade de cadastros de pacientes, instabilidades no sistema e as dificuldades e
melhorias proporcionadas pelo e-SUS AB, sob a ótica da gestão. Foi possível concluir que existe a necessidade
de realizar novas capacitações com os profissionais que atuam diretamente com a estratégia e-SUS AB, bem
como sensibilizar os profissionais e a gestão sobre a importância da qualidade da informação em saúde, para
promover melhorias no processo de registro e recuperação das informações, proporcionando assim a melhor
tomada de decisão por artes da gestão, bem como subsidiar a elaboração de políticas públicas em saúde para
o município.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1466928 - FRANCISCA ROSALINE LEITE MOTA
Interno - 1323823 - EDIVANIO DUARTE DE SOUZA
Interno - 1716190 - RONALDO FERREIRA DE ARAUJO
Externa à Instituição - DALGIZA ANDRADE OLIVEIRA - UFMG
Externa à Instituição - ELIANA MARIA DOS SANTOS BAHIA JACINTHO - UFSC
Notícia cadastrada em: 27/07/2022 19:01
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2022 - UFAL - sig-app-1.srv1inst1 04/10/2022 00:19