PPGEC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL CENTRO DE TECNOLOGIA Telefone/Ramal: 3214-1455- https://sigaa.sig.ufal.br/ppgec

Banca de DEFESA: THAUANY ALVES PASTOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : THAUANY ALVES PASTOR
DATA : 22/04/2024
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de reunião 2 – LCCV / CTEC / UFAL
TÍTULO:

Análise da viabilidade do uso de resíduos de construção e demolição para a geração de blocos reciclados.

 

PALAVRAS-CHAVES:

Agregado reciclado misto; blocos de concreto; planejamento experimental.


PÁGINAS: 150
RESUMO:

O Nordeste é a terceira região de maior geração de resíduos de construção e demolição no país, de acordo com a ABRELPE (2021). Com o aumento da urbanização, há uma tendência de crescimento na geração de resíduos, o que levou a Organização das Nações Unidas a destacar os resíduos sólidos como um dos principais problemas atuais. Portanto, encontrar uma destinação adequada para esses resíduos fortalece a sustentabilidade ambiental e o desenvolvimento de cidades sustentáveis. Nesse contexto, surge uma oportunidade sustentável de destinação para os RCD’s, como a produção de novos materiais construtivos, por exemplo, blocos reciclados. Esta pesquisa avalia a viabilidade técnica de utilizar agregados reciclados de demolição mistos na produção de blocos, buscando reinseri-los na cadeia da construção civil e gerar novos materiais sustentáveis. Para tanto, o estudo foi realizado utilizando os resíduos fornecidos pela empresa Braskem. Os agregados reciclados foram coletados, beneficiados, passaram por um processo de remoção de impurezas e por procedimentos de caracterização. Após essas etapas, foi adotado o planejamento experimental unifatorial, com a granulometria como fator, utilizando as seguintes combinações de agregados: 100% natural, miúdo reciclado e graúdo natural e miúdo natural e graúdo reciclado, no intuito de determinar a influência dessas combinações na resistência à compressão axial dos blocos. Para o estudo de dosagem, definiu-se a composição ótima, por meio do esqueleto granular, além de ser realizada a técnica de reometria compressiva para determinação da umidade ótima. Na etapa de produção dos blocos, foi realizado um novo estudo de dosagem, com o objetivo de determinar a umidade ótima para os blocos. Os resultados indicaram que os blocos produzidos com areia reciclada e brita natural foram os únicos que apresentaram resistência característica para blocos estruturais. Além disso, os testes estatísticos comprovaram, a um nível de significância de 5%, que os blocos com areia reciclada e brita natural apresentaram diferenças significativas em sua resistência média quando comparados aos demais conjuntos de blocos (naturais e combinação com areia natural e brita reciclada).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1640290 - WAYNE SANTOS DE ASSIS
Interno(a) - 2120767 - PAULO CESAR CORREIA GOMES
Externo(a) à Instituição - MANOEL MARTINS DOS SANTOS FILHO - IFAL
Notícia cadastrada em: 21/04/2024 00:41
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-2.srv2inst1 16/06/2024 09:58