PPGEC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL CENTRO DE TECNOLOGIA Telefone/Ramal: 3214-1455- https://sigaa.sig.ufal.br/ppgec

Banca de DEFESA: JOAO PAULO NOGUEIRA DE ARAUJO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOAO PAULO NOGUEIRA DE ARAUJO
DATA : 14/04/2023
HORA: 09:00
LOCAL: meet.google.com/ruv-djvd-avt
TÍTULO:

O PROJETO PROBABILÍSTICO E SUAS IMPLICAÇÕES NO DIMENSIONAMENTO DE REVESTIMENTOS


PALAVRAS-CHAVES:

Projeto probabilístico. Confiabilidade Estrutural. Revestimentos de Poços. Integridade de Poços.


PÁGINAS: 53
RESUMO:

O uso de tubos de revestimento é essencial para a manutenção de integridade de poços de petróleo. Para a garantia do seu correto dimensionamento, normas internacionais auxiliam os projetistas de poços, fornecendo equações e metodologias para cálculo das resistências e dos carregamentos aos quais os revestimentos podem ser submetidos ao longo de seu ciclo de vida. Um exemplo de norma é a API/TR 5C3, que em sua revisão de 2008 adicionou a possibilidade de dimensionamento dos revestimentos utilizando técnicas de confiabilidade, informando não só a metodologia de cálculo mas também a caracterização de algumas variáveis aleatórias com base em séries históricas de dados de manufatura de tubos, segundo diferentes fabricantes. Porém, a utilização das ferramentas de confiabilidade em projetos de revestimentos de poços de petróleo ainda é restrita a análises específicas, não fazendo parte da rotina dos projetistas. Desta forma, este trabalho tem por objetivo estudar diferentes situações de carregamentos em diversos tubos de revestimento usualmente aplicados nos projetos de poços de petróleo, empregando a metodologia determinística, mais usual e de conhecimento mais difundido, e a metodologia probabilística, mais robusta mas ainda pouco utilizada nesta área. Os carregamentos aplicados nos tubos serão iguais às suas resistências no limite elástico, que são os valores considerados nos projetos para o cálculo do tradicional Fator de Segurança (FS). A partir dos dados simulados, será realizado um estudo para verificar a equivalência entre o FS e a Probabilidade de Falha (Pf), levando-se em consideração resistências no Estado Limite Último (ELU) dos tubos. Espera-se que estetrabalho possa contribuir para uma maior utilização de metodologias probabilísticas pelos projetistas de revestimentos, a partir da equivalência com as respostas determinísticas usuais, baseadas em envoltórias de resistência e fatores de segurança. A metodologia probabilística pode trazer ganhos em termos de custos, com maiores chances de aprovação de projetos arrojados, bem como no que diz respeito à segurança, por demandar um melhor controle de qualidade na fabricação e caracterização dos tubos de revestimento utilizados na construção de poços.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1846598 - EDUARDO TOLEDO DE LIMA JUNIOR
Interno(a) - 1742402 - JOAO PAULO LIMA SANTOS
Externo(a) à Instituição - CHARLTON OKAMA DE SOUZA - PETROBRAS
Notícia cadastrada em: 03/04/2023 23:38
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-3.srv3inst1 16/06/2024 08:42