Banca de QUALIFICAÇÃO: SANDRA LOPES CAVALCANTI

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : SANDRA LOPES CAVALCANTI
DATA : 26/04/2024
HORA: 08:30
LOCAL: Hospital Universitário Prof. Alberto Antunes, Centro de Estudos, sala 5
TÍTULO:

TRADUÇÃO, ADAPTAÇÃO CULTURAL, VALIDAÇÃO E CONFIABILIDADE DO THE ALZHEIMER’S QUESTIONNAIRE


PALAVRAS-CHAVES:

Doença de Alzheimer; Acompanhante de paciente; Questionário; Tradução; Estudo de validação.


PÁGINAS: 82
RESUMO:

O elevado crescimento de pessoas idosas e um aumento na expectativa de vida é um fenômeno a nível mundial e no Brasil esse contingente também vem crescendo devido aos avanços da medicina, que aumentou a expectativa de vida da população. Em consequência do envelhecimento populacional um número maior de pessoas será afetado por diversos tipos de demências especialmente, a doença de Alzheimer. Esse estudo teve como objetivo criar a versão em português brasileiro do questionário The Alzheimer’s Questionnaire. Trata-se de um estudo metodológico caracterizado pelas etapas de tradução, adaptação transcultural, validação e confiabilidade de um instrumento. A amostra foi composta por 210 acompanhantes (informantes) de idosos que aguardavam atendimento com o(a) médico(a) geriatra no Ambulatório de Geriatria de um Hospital, em Maceió. Como critério de inclusão foram todos os pacientes atendidos no Ambulatório de Geriatria do Hospital, com idade a partir de 60 anos, de ambos os sexos e que estavam com seus acompanhantes e de exclusão acompanhantes sem escolaridade, idosos que estavam sem acompanhantes e com diagnóstico de doenças neurológicas ou psiquiátricas. Para a coleta de dados utilizou-se uma ficha de recolhimento de dados e a versão brasileira, traduzida e adaptada culturalmente do Alzheimer’s Questionnaire. A amostra do idoso caracterizou-se pelo predomínio de mulheres com um percentual de 73,81% e com um número maior de idosos na faixa etária entre 70 e 79 anos de idade correspondente a 45,71%. A maioria tinha o 1º incompleto (46,67%) ou eram sem escolaridade (29,05%). Um total de 137 idosos estavam hipertensos (65,24%), seguido das doenças osteoarticulares (40,95%). Com relação as características dos informantes foram em maior número do sexo feminino, equivalente a 83% da amostra total e com idade entre 18 e 59 anos (84,76%). A maioria possuía o 2º completo (37,14%). Quanto ao grau de parentesco mais da metade dos idosos estavam sendo acompanhados por seus filhos, em sua maioria do sexo feminino (59%). Na distribuição por sexo, a quantidade de mulheres com CCL foi igual as que apresentaram sintomas da DA. Um percentual maior dos idosos do sexo masculino (30%) apresentaram sintomas de DA. Os indivíduos com os sintomas da doença de Alzheimer tinham uma média de 78 anos. As evidências da validade de conteúdo demonstraram em todos os itens valores aceitáveis em todas as etapas de tradução do instrumento. Resultados da Análise Fatorial Confirmatória (AFC) apontaram para um ajuste adequado do modelo com todas as cargas fatoriais apresentando valores suficientemente bons com exceção do item Q13, que apresentou cargas fatoriais com nível de significância acima de 5%. Os indicadores de consistência interna expressaram resultados adequados para todos os fatores latentes do instrumento. Os resultados obtidos neste estudo confirmam a criação da versão em português brasileiro do questionário The Alzheimer’s Questionnaire através das evidências baseada no conteúdo do teste, na estrutura interna e de precisão.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2121267 - CELIO FERNANDO DE SOUSA RODRIGUES
Interno(a) - 1527220 - CAMILA BRAGA DORNELAS
Interno(a) - 1547952 - EURICA ADELIA NOGUEIRA RIBEIRO
Externo(a) à Instituição - EUCLIDES MAURÍCIO TRINDADE FILHO - CESMAC
Externo(a) à Instituição - GUILHERME BENJAMIN BRANDAO PITTA - UNCISAL
Notícia cadastrada em: 26/04/2024 10:01
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-2.srv2inst1 13/07/2024 13:18