Banca de QUALIFICAÇÃO: ERIVALDO DAVI DOS SANTOS JUNIOR

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ERIVALDO DAVI DOS SANTOS JUNIOR
DATA : 27/09/2021
HORA: 09:00
LOCAL: Sala virtual do Google Meet
TÍTULO:

Nanosistema baseado em hidróxido duplo lamelar para inibição de microRNAs:
caracterização da toxicidade e da eficiência de inibição.


PALAVRAS-CHAVES:

Hidróxidos Duplos Lamelares; microRNAs; Ensaio Funcional; Epilepsia.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Introdução: A Epilepsia do Lobo Temporal (ELT) é a mais comum das epilepsias e
30% dos pacientes não apresentam remissão completa das crises mesmo com o uso
de drogas antiepilépticas (DAE’s). Assim, há a necessidade de se buscar novas
abordagens terapêuticas, a exemplo da modulação funcional de miRNAs (miRs) por
meio de abordagem farmacológica (MIMIC / inibidores de miRs). Nanopartículas
baseadas em Hidróxidos Duplos Lamelares (HDL) têm sido usadas como carreadores
de siRNA, entretanto, a aplicação de HDL para a entrega de inibidores de miRs ainda
requer investigação. Objetivo: Nesse trabalho, produzimos e testamos um
nanocarreador baseado em Mg-Al-LDH complexado com inibidor de miRs contra
miR-196b-5p. Metodologia: os HDLs foram sintetizados pelo método de co-
precipitação e submetidos a caracterização físico-química quanto ao tamanho
hidrodinâmico, carga superficial, cristalinidade e aos grupamentos químicos
presentes. Em relação aos efeitos biológicos, células endoteliais do timo (tEnd.1)
foram transfectadas com HDL/inibidor e foram avaliadas quanto: i. viabilidade
celular por ensaios de MTT, azul de tripan e iodeto de propídio; ii. eficiência de
transfecção por citometria de fluxo e iii. depleção de miR-196b-5p por RT-qPCR.
Além disso, larvas de Drosophila melanogaster foram alimentadas com HDL e foram
avaliadas quanto a: i. comprometimento da motilidade larval; ii. taxa de pupação; iii.
atraso para puparia; iv. letalidade, e V. número de eclosões de adultos. Por fim,
inibidores do tipo LNA foram utilizados para o ensaio de inibição do miR-196b-5p
em modelo experimental de ELT, onde foi avaliada a expressão relativa do miR-
196b-5p e de seu alvo predito SLC9A6 por RT-qPCR. Resultado: Observamos que as
nanopartículas do tipo HDL são estáveis em soluções aquosas e apresentam uma
forma hexagonal regular. O complexo HDL/inibidor mostrou uma eficiência de
transfecção de 93% e levou a uma depleção significante do miR-196b-5p 48 h após a
transfecção. Não observamos efeitos citotóxicos nas células tEnd.1 em
concentrações de até 50 μg/ml, assim como em Drosophilas expostas até 500 μg de
HDL. O ensaio funcional in vivo em ratos induzidos ao Status Epilepticus revelou uma
depleção significante dos níveis hipocampais do miR196b-5p bem como um
aumento significante na expressão relativa do gene alvo SLC9A6. Em conclusão,
nossos dados sugerem que o LDH se apresenta como um carreador biocompatível e
eficiente para inibidores de miRNA, podendo ser usado como uma ferramenta viável
e eficaz em ensaios funcionais de inibição de miRNA.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2579081 - DANIEL LEITE GOES GITAI
Interna - 2022362 - ANA CATARINA REZENDE LEITE
Externa ao Programa - 2024367 - MELISSA FONTES LANDELL
Notícia cadastrada em: 21/09/2021 10:20
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-3.srv3inst1 13/07/2024 13:42