Banca de QUALIFICAÇÃO: EDILENE CONCEIÇÃO DE MELO MARQUES



Uma banca de QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: EDILENE CONCEIÇÃO DE MELO MARQUES
DATA: 30/11/2020
HORA: 14:00
LOCAL: online - meet.google.com/rhy-xagn-ewt
TÍTULO:

CONTRIBUIÇÕES DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA, NO ÂMBITO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES, PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL


RESUMO:

A presente pesquisa é fruto das aproximações entre o Ensino de Ciências e a Pedagogia Histórico-Crítica percebidas pela autora enquanto aluna do Mestrado na Universidade Federal de Alagoas. Tem por objetivo central analisar as possibilidades e os limites de contribuição da Pedagogia histórico-crítica para a formação continuada de professores de Educação Infantil, tendo em vista o ensino de ciências na pré-escola. Trata-se de um estudo de natureza qualitativa com abordagem em uma pesquisa-ação, utilizando como instrumentos de coleta de dados entrevistas estruturadas e semiestruturadas. A análise de conteúdo está baseada em Lüdke e André (1986), na intenção de, ao tratar os dados obtidos, responder ao questionamento central do presente estudo: Uma formação continuada e à distância, seria capaz de contribuir para capacitação/aperfeiçoamento necessários dos professores a fim de manifestar a intenção de aprofundar o conhecimento acerca da PHC, quiçá fundamentando sua atuação pedagógica na Educação Infantil a partir desta teoria? O referencial teórico delimitado pauta-se pelas formulações da pedagogia histórico-crítica e da psicologia histórico cultural, especialmente nas seguintes produções: Carvalho (2014); Duarte (2015); Gama (2015; 2020); Lazaretti (2016); Marsiglia (2009; 2011); Martins e Duarte (2010); Pasqualini (2006; 2011; 2016); Saviani (2003; 2019); e Vigotski (2018). Para alcançar o objetivo proposto realizaremos os seguintes procedimentos metodológicos: 1)  avaliação diagnóstica sobre os eventuais conhecimentos prévios dos professores em relação ao tema da pesquisa; 2) realização de minicurso de formação continuada  sobre o tema da pesquisa; 3) avaliação processual que acontecerá durante o curso de extensão e com uso de questionário final, e 4) análise dos resultados obtidos. Espera-se que a formação continuada, embasada na Pedagogia histórico-crítica, proporcione práxis de superação do empirismo e viabilizadas por práticas pedagógicas voluntárias e conscientes, possibilitando um processo de construção da valorização do humano, ser que se constrói a partir da mediação com dialogicidade.


PALAVRAS-CHAVE:

Pedagogia Histórico-Crítica. Ensino de Ciências. Educação Infantil.


PÁGINAS: 112
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Ensino-Aprendizagem
ESPECIALIDADE: Métodos e Técnicas de Ensino

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2955864 - CAROLINA NOZELLA GAMA
Interno(a) - 2327817 - SILVANA PAULINA DE SOUZA
Externo(a) à Instituição - HÉLIO DA SILVA MESSEDER NETO - UFBA
Notícia cadastrada em: 11/11/2020 09:16
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-2.srv2inst1 20/05/2024 00:37