Banca de QUALIFICAÇÃO: RAFAELLA GREGORIO DE SOUZA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAFAELLA GREGORIO DE SOUZA
DATA : 18/04/2022
HORA: 14:00
LOCAL: Ambiente Virtual - Teams
TÍTULO:

O LIVRO DIDÁTICO DE CIÊNCIAS NA EJA: REALIDADES E VIVÊNCIAS (RE) SIGNIFICADAS


PALAVRAS-CHAVES:

Educação de Jovens e Adultos. Livro Didático. Doenças Infectocontagiosas


PÁGINAS: 93
RESUMO:

Esta pesquisa parte da ideia de um Ensino de Ciências que proporcione aos estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA), a compreensão dos conhecimentos científicos sobre Doenças Infectocontagiosas no ‘contexto atual. Com a finalidade de analisar como os livros didáticos do Ensino Fundamental- Anos Finais da EJA, cedidos pelas escolas públicas da cidade de Igreja Nova, Alagoas, abordam a temática de Doenças Infectocontagiosas e se contribui para a aprendizagem vivencial dos estudantes. As obras analisadas foram do 6º ao 9º ano da Coleção EJA Moderna, selecionada pelo Programa do Livro Didático da Educação de Jovens e Adultos (PNLD EJA 2014/2016). Trata-se, portanto, de uma abordagem qualitativa, sendo uma pesquisa documental, com análise de conteúdo embasado nos pressupostos de Bardin (2016), na qual foram analisados os livros didáticos, juntamente com os critérios e categorias estabelecidos para dar suporte ao objeto de estudo. Para fundamentar a investigação desta pesquisa, foram consultadas algumas literaturas que embasaram as reflexões como Leontiev (1998), Libâneo (2004; 2006), Davydov (1978; 1988; 2002), Vygotsky (1991;1998;2001), Sasseron (2019); Freitas (2007); Cavalcante (2016), Tortora (2010), entre outros. A pesquisa utilizou como aporte teórico as contribuições de Freire (1987, 2002, 2013) para compreensão do contexto educacional dos jovens e adultos da EJA. Diante das análises realizadas, constatamos que os livros do 6º e 7º ano abordam a temática das Doenças Infectocontagiosas, de maneira indireta e resumida, numa perspectiva biológica e sanitarista, ao enfatizar os problemas causados por microrganismos patogênicos e medidas sanitárias. Já o livro do 8º ano, foi o que mais proporcionou o desenvolvimento teórico e prático da temática analisada, enfatizando um capítulo específico para as Doenças Infectocontagiosas, porém, não explanou afundo sobre serviços públicos de saúde, saneamento básico e medidas preventivas. Já o livro do 9° ano não abordou em nenhuma das unidades, conteúdo relacionado a temática central da pesquisa. Observamos durante nosso estudo, a importância do papel docente na exploração e ampliação dos conhecimentos presentes no livro didático, sobretudo para a modalidade de Jovens e Adultos. Elaboramos também, como Produto Educacional deste trabalho, um E-Book com atividades práticas e experimentais com enfoque na temática das Doenças Infectocontagiosas, com a finalidade de contribuir na formação crítica dos estudantes da EJA, principalmente no que se refere aos contextos sociais e de saúde pública.


MEMBROS DA BANCA:
Interna - 2955864 - CAROLINA NOZELLA GAMA
Interna - 1121197 - HILDA HELENA SOVIERZOSKI
Externa ao Programa - 1348700 - TEREZA CRISTINA CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE
Notícia cadastrada em: 05/04/2022 12:47
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-1.srv1inst1 22/05/2024 01:16