Banca de QUALIFICAÇÃO: JACIARA DE ABREU SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JACIARA DE ABREU SANTOS
DATA : 19/07/2023
HORA: 13:30
LOCAL: BLOCO 7 SALA 101 - SALA DO GPFPEC
TÍTULO:

ENSINO DE CIÊNCIAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL: UMA SEQUENCIA DIDÁTICA PARA EXPERIENCIAR SOBRE A ÁGUA


PALAVRAS-CHAVES:

ensino de ciências; educação infantil; água. indicadores de alfabetização científica.


PÁGINAS: 67
RESUMO:

O Ensino de Ciências permite a percepção dos fenômenos e suas implicações na vida humana, e no seu entorno, tais percepções são desenvolvidas a partir da propriedade investigativa, gerando capacidade argumentativa nos sujeitos e constante busca por respostas, pois a Ciência é viva e se faz da conste necessidade pelo saber. Posto em currículo desde a Educação Infantil cria possibilidades de a criança ter compreensão dos fenômenos que são presentes no dia a dia, dando explicações reais e não mágicas, construindo bases para o pensamento abstrato, a partir da interação e da oralidade/argumentação. Nesse sentido essa pesquisa tem como objetivos desenvolver uma proposta metodológica para construção de experiências com tema Água na Educação Infantil, levando em consideração a perspectiva da Alfabetização Científica, os objetivos de aprendizagens da BNCC, assim como os eixos norteadores e os direitos de aprendizagens dentro do Grupo Etário Crianças Pequenas, em uma turma de Educação Infantil composta por 16 crianças, no Sertão alagoano. Assim, se fez necessário tecer um pequeno diálogo teórico sobre Educação Infantil historicamente e analisar os documentos oficiais em uma linha histórica a fim de perceber o Ensino de Ciências na Educação Infantil nessa linha do tempo nos documentos oficiais, teorizar sobre alfabetização científica e/na Educação Infantil e aplicar uma sequência didática para auxiliar nas experiências sobre o tema Água na Educação Infantil, a fim de analisar como/se a criança pequena constrói indicadores de Alfabetização Científica. A presente pesquisa  é configurada de base qualitativa, usando a pesquisa-aplicação como técnica e como instrumentos de coletas, fotos, vídeos, áudios e diário de bordo. Como aportes teóricos, usaram-se alguns documentos oficiais, alguns que ocupam o plano histórico, como o Referencial Curricular para a Educação Infantil (RCNEI), e aqueles em vigência, como as Diretrizes Nacionais Para a Educação Infantil (DCNEI), a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) e a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), entre outros. Como base de pensar o Ensino de Ciências, temos Chassot (2002) Carvalho (2002, 2009, 2012, 2015, 2017), Sasseron (2008), Pizarro (2014), entre outros que colaboraram para perceber como se constrói o conhecimento de Ciências junto a Criança Pequena/aluno, tomando como tema a água e fazendo jus a elementos metodológicos que sustentem experiências investigativas colaborativas para o desenvolvimento da curiosidade, das descobertas e argumentação e consequentemente a Alfabetização Científica ou alguns indicadores da sua construção na Educação Infantil, como os de trato argumentativos e de leitura e escrita em Ciências, uma vez que podem ser desenvolvidas de formas diferentes das convencionais, a partir das interações verbais, leituras das imagens e desenhos explicativos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3198794 - ELTON CASADO FIREMAN
Interno(a) - 2270369 - MARIA DANIELLE ARAUJO MOTA
Externo(a) à Instituição - ODALEA FEITOSA VIDAL - UEPE
Notícia cadastrada em: 10/07/2023 11:08
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-3.srv3inst1 22/05/2024 01:09