Banca de DEFESA: ARIVONALDO VANIEL DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ARIVONALDO VANIEL DA SILVA
DATA : 27/03/2024
HORA: 14:00
LOCAL: Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde - ICBS
TÍTULO:

ENSINO DE MUTAÇÕES GÊNICAS E HERANÇA DE
GENÉTICA CLÁSSICA A PARTIR DE ATIVIDADES
INVESTIGATIVAS BASEADAS EM UM MODELO
ANIMAL: Drosophila Melanogaster


PALAVRAS-CHAVES:

Mutações genéticas; Herança genética clássica ; Artrópodes;

Aprendizagem.


PÁGINAS: 135
RESUMO:

Ao longo da história da educação brasileira, a ciência foi determinada
por uma ideologia acadêmica e internacional, segundo a qual, a
metodologia e a produção científica deveriam ser restritas ao ambiente
acadêmico. Além disso, essa ideologia determinou o modo de construir
ciência e, esse modelo sofreu com instabilidades políticas e medidas
autoritárias. O método de ensino de biologia nas instituições escolares
foi durante muito tempo caracterizado por apresentar grandes
quantidades de terminologias e descrições extensas de processos e
estruturas biológicas. Baseado nessa observação, esse projeto foi
desenvolvido na escola Simôa Gomes, localizada em Garanhuns-PE,
tendo como objetivo geral realizar estudos baseados em investigação
científica utilizando um organismo modelo, a espécie Drosophila
melanogater, visando uma aprendizagem significativa para entender
como mutações gênicas e herança de genética clássica produzem
características fenotípicas. A hipótese desse projeto é que a utilização
da investigação científica utilizando Drosophila melanogaster
possibilitará construir processos dinâmicos e significativos de ensino e
aprendizagem sobre mutações gênicas e herança de genética clássica,
representando aprimoramento das práticas de ensino no ensino médio.
O interesse na investigação científica utilizando um modelo animal
surgiu mediante a necessidade de utilizar processos de ensino eficazes
a fim de promover uma aprendizagem significativa e da potencialidade
de tal modelo como objeto de estudo a ser investigado, a partir do qual, 

muitos processos biológicos podem ser compreendidos. Quanto aos
resultados, ao observar as respostas dos alunos nas atividades
desenvolvidas durante a realização da sequência didática, notou-se que
mais de 70% dos estudantes acertaram as respostas das atividades
propostas, assim, foi possível perceber que houve compreensão em
relação a como as caractesticas são transmitidas ao longo das gerações,
ou seja, como as mutações genéticas do cromossomo II e III de D.
melanogaster se segregam independente durante a formação dos
gametas na Geração Parental e produzem características fenotípicas
que se combinam de diferentes maneiras nos indivíduos da Geração F1
em comparação às características fenotípicas da Geração Parental que
os originou. O ensino investigativo tem potencial para promover o
aprofundamento no conhecimento científico sobre diversas temáticas
em biologia e fornecer subsídios para refletir, discutir e replanejar a
prática de ensino nas instituições que se destinam a essa finalidade.


MEMBROS DA BANCA:
Interno(a) - 1426984 - JAIURTE GOMES MARTINS DA SILVA
Interno(a) - 2568449 - JORGE LUIZ LOPES DA SILVA
Presidente - 2998692 - LUCAS ANHEZINI DE ARAUJO
Notícia cadastrada em: 25/03/2024 10:56
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-2.srv2inst1 30/05/2024 08:52