PPGPP PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROTEÇÃO DE PLANTAS CAMPUS DE ENGENHARIA E CIÊNCIAS AGRÁRIAS Telefone/Ramal: 99963-8987

Banca de DEFESA: ANA CAROLINE DE MELO BASTOS MORAIS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANA CAROLINE DE MELO BASTOS MORAIS
DATA : 31/08/2022
HORA: 10:00
LOCAL: Sala da Pós-Graduação
TÍTULO:

INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA A Colletotrichum truncatum EM Phaseolus lunatus POR ISOLADO NÃO PATOGÊNICO DE Fusarium spp. e Rhizobium spp.

 


PALAVRAS-CHAVES:

Microrganismos endofíticos; Controle de doenças de plantas; Antracnose


PÁGINAS: 101
RESUMO:

O processo de indução de resistência é a ativação prévia dos mecanismos de defesa da planta por agentes bióticos ou abióticos. Os processos de defesa induzidos podem ser de dois tipos: resistência sistêmica adquirida (SAR) ou resistência sistêmica induzida (ISR). A ISR é ativada por microrganismo da rizosfera e isolados de Fusarium oxysporum e Rhizobium etli já foram caracterizadas como indutores de resistência em diversas culturas. Este trabalho teve o objetivo de verificar o efeito de isolados Fusarium spp. e Rhizobium spp. obtidos de Phaseolus lunatus na ativação da resposta de defesa contra o agente causal da antracnose, Colletotrichum truncatum. O experimento iniciou com a obtenção dos isolados de Fusarium spp. não-patogênicos e Rhizobium spp., em seguida foi feita a caracterização morfológica, foi realizada a avaliação da antibiose direta de Fusarium spp. e Rhizobium spp. em relação ao Colletotrichum truncatum. A seleção do material para análise das enzimas de resistência foi feita a partir de experimentos de produção (peso de matéria fresca e seca da parte aérea e raiz e avaliação de resistência), posteriormente foi feita a análise das enzimas peroxidase e fenilalanina amônia-liase. Os resultados obtidos foram submetidos a análise de variância a 5% de probabilidade e ao teste de Scott-Knott (p = 5%). Os isolados de Fusarium spp. FF 11.1 e FF 3 e o isolado B. Nelita de Rhizobium spp. foram capazes de reduzir a severidade da doença e induzir resistência.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1790557 - GILDEMBERG AMORIM LEAL JUNIOR
Interna - 1119045 - EDNA PEIXOTO DA ROCHA AMORIM
Interna - 2149632 - SARAH JACQUELINE CAVALCANTI DA SILVA
Externa ao Programa - 1121083 - MARIA DE FATIMA SILVA MUNIZ
Externa à Instituição - TÂMARA CLÁUDIA DE ARAÚJO GOMES
Notícia cadastrada em: 05/08/2022 12:02
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-1.srv1inst1 22/05/2024 02:08