PPGG PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA INSTITUTO DE GEOGRAFIA, DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE Telefone/Ramal: 99992-2210/1441

Banca de QUALIFICAÇÃO: FRANCISCO NIVALDO FERREIRA DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FRANCISCO NIVALDO FERREIRA DOS SANTOS
DATA : 28/09/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Web Conferência
TÍTULO:

ESTUDO DA TERRITORIALIZAÇÃO DO TURISMO NO DESTINO MACEIÓ

COM BASE NO MERCADO E NOS TURISTAS.


PALAVRAS-CHAVES:

Turismo; Territorialização; Destino Turístico; Maceió.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

O turismo se tornou uma das atividades econômicas mais importantes do mundo contemporâneo, com implicações as mais variadas para os lugares que se tornam destinos turísticos. Por exemplo, o turismo causa impactos econômicos, sociais, culturais, políticos e ambientais, tanto negativos quanto positivos. Esses tipos de impactos têm o poder de repercutir na sociedade local, trazendo benefícios e problemas para a coletividade. Um aspecto relevante, que merece a atenção da academia, é que o turismo não tem recebido a devida atenção em relação às muitas consequências que ele traz para os territórios dos lugares que são turistificados. Essas consequências, que podem ser muitas, tem o potencial de reorganizar os territórios segundo os interesses dos agentes envolvidos. Há pelo menos três grupos de forças que influenciam e moldam os destinos turísticos. Há, por um lado, os turistas, os quais são, em geral, a força motriz primária da criação dos destinos. Por outro lado, tem o poder público, que, uma vez escolhendo o turismo como uma alternativa de desenvolvimento, cria políticas públicas que buscam direcionar como o destino se desenvolverá ao longo do tempo. Além disso, tem os agentes de mercado, os quais são responsáveis pela oferta de serviços e atrativos que serão colocados à disposição dos visitantes. Para se conhecer como um destino se espacializa e cria territórios próprios se torna necessário o exame de como cada conjunto de forças de turistificação atua. Este estudo tem como objetivo principal compreender como se dá a espacialização do turismo no destino Maceió, particularmente com base na ação do mercado e no comportamento dos turistas. A pesquisa é de natureza qualitativa e exploratória, e utiliza como estratégias para a coleta de dados o exame de documentos ligados aos agentes de mercado ligados ao turismo, levantamentos junto a sites da internet, registro fotográfico, entrevistas abertas e a aplicação de questionários. Espera-se que os resultados a serem obtidos por esta dissertação contribuam para um melhor entendimento a respeito da territorialização turística do destino Maceió e que o conhecimento gerado seja útil para os fins de formulação de políticas públicas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1121307 - LINDEMBERG MEDEIROS DE ARAUJO
Externa à Instituição - MANUELA GRACE DE ALMEIDA ROCHA KASPARY - IFAL
Interno - 1188049 - PAULO ROGERIO DE FREITAS SILVA
Notícia cadastrada em: 28/07/2022 09:04
SIGAA | NTI - Núcleo de Tecnologia da Informação - (82) 3214-1015 | Copyright © 2006-2024 - UFAL - sig-app-3.srv3inst1 19/05/2024 16:43